Voltar a mim

Para as leitoras que acompanham o blog já há algum tempo, devem se ter apercebido da quantidade de textos que tenho postado. Algumas podem ficar em dúvida se eles são provindos do meu imaginário, mas não são. Tudo o que tenho escrito, é o reflexo de mim e do que se passa na minha vida. Hoje não é excepção, por isso, àquelas que vão se aventurar nesta leitura, agradeço desde já por me acompanharem, mesmo que eu silêncio.

… Tudo aquilo que se passou, que eu deixei que se passasse, todas as atitudes que eu tomei e sei que noutra altura nunca tomaria, foram exclusivamente culpa minha. E é isto, acordei numa manhã qualquer e apercebi-me de que já não sei quem sou. Ando tão perdida, tão sem chão. Pergunto-me como me fui deixar chegar a este ponto.

Eu mudei, num período tão curto de tempo, mudei imenso.

Adquiri novos gostos, novas vontades, até novos amigos, mas nada disso, nada do que eu ganhei pode substituir tudo aquilo que eu deixei fugir.

Eu falo em valores, sonhos, hábitos de vida e maneiras de pensar e ver as coisas.

Sinto-me presa a uma vidinha cómoda, pequena, que não faz parte da minha identidade.

Não me sinto realizada, nem entusiasmada com nada. O tempo passa e eu deixo-o ir sem mim. Estagnei numa pessoa que inventei, mas que na verdade nunca existiu.

Eu não sou assim!

Eu não quero pouco, não me contento com pouco, não mereço pouco!

Eu sou muito, mais do que eu penso, e mereço muito, muito mais do que tenho recebido.

Hoje estou a dar um basta. Acabou a ilusão!

Eu não nasci com mente pequena e pensamento medíocre, eu ainda quero fazer a diferença. Tocar pessoas, fazê-las lembrar-se de mim, só preciso de encontrar-me, recuperar o tempo perdido.

Vou voltar a escrever, a cantar, a dançar porque quero. Vou apreciar as pequenas coisas da vida, como eu sempre soube fazer. Voltar a olhar para o céu para procurar estrelas.

Vou pensar mais em mim, dedicar-me mais a mim. Perdi demasiado tempo a depositar esperanças e energia em coisas que nunca me iriam retribuir da mesma forma.

Mas hoje eu vi, hoje tive provas e estou consciente, a partir de agora eu vou ser eu e o resto que se foda.

 

XX Carol

 

 

Comenta aqui!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s